Elétrica

7 tipos de lâmpadas e qual escolher do jeito certo

Mardey Costa
Escrito por Mardey Costa em 6 de abril de 2022
Junte-se a mais de 15.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você sabia que existem 7 tipos de lâmpadas diferentes?

Neste artigo, você vai descobrir quais são os 7 tipos de lâmpadas e qual a diferença entre cada uma delas.

Além disso,  você também vai descobrir quais são mais econômicas, onde são mais usadas e como escolher o melhor tipo do jeito certo.

Portanto, se você quer aprender mais sobre esse assunto, então continue lendo esse artigo. Nele você vai aprender sobre:

E se você gostou do que vem por aí, então não deixe de compartilhar este artigo com seus amigos nas redes sociais, para que eles possam conhecer esses 7 tipos de lâmpadas.

7 tipos de lâmpadas que você precisa saber

Desde 1879 quando a lâmpada incandescente foi inventada por Thomas Edison, muita coisa mudou.

Alguns tipos de lâmpadas são consideradas mais econômicas, enquanto outras possuem uma ótima luminosidade.

E com a evolução tecnológica, já é possível até acender e apagar lâmpadas diretamente pelo aplicativo de celular.

Por isso, existem uma enorme variedade de lâmpadas no mercado e você precisa saber a diferença entre cada uma delas para fazer uma boa escolha.

Diferença entre os tipos de lâmpadas

Existem vários tipos de lâmpadas como incandescentes, fluorescentes e lâmpadas de LED.

E cada uma delas podem ser encontradas em diferentes formatos como no formato bulbo, vela, espiral e outros formatos.

Além disso, até a base das lâmpadas são diferentes com vários modelos como as bases E27, bipino, G4, e mais.

Por isso, você precisa saber identificar os tipos de lâmpadas do jeito certo e descobrir qual é a mais recomendada para iluminar sua casa, apartamento ou ponto comercial.

Quais são os 7 tipos de lâmpadas mais usados

Por isso, vamos entender para que serve cada um dos tipos de lâmpadas, como funciona e onde são mais usados.

Neste caso, separamos 7 tipos de lâmpadas mais usados em residências, comércios e indústrias.

Vamos começar pelos tipos de lâmpadas incandescentes, confira abaixo.

Tipos de lâmpadas incandescentes

A lâmpada incandescente converte energia elétrica em calor e energia luminosa.

Na imagem abaixo é possível visualizar um tipo de lâmpada incandescente, confira.

Tipos de lâmpadas incandescentes

Esse tipo de lâmpada incandescente possui algumas caracteristicas interessantes como uma luz amarelada com um tom mais aconchegante e emite muito calor.

Como funciona o tipo de lâmpada incandescente

Esse modelo é o mais antigo, surgiu com a criação da energia elétrica. A energia elétrica passa através de um fio de metal chamado filamento.

E em seguida esse fio ou filamento de tungstênio vai se aquecendo e fazendo com que a luz surja por meio da incandescência.

Além disso, ela também é composta por um bulbo de vidro, a base e o contato no exterior da lâmpada.

E na parte interior com filamento de tungstênio, eletrodo, fio de sustentação, esteme, fusível e tubo de exaustão.

Onde é usados os tipos de lâmpadas incandescentes

Esse tipo de lâmpada incandescente ainda é muito utilizada em residências e também em ambientes comerciais.

Pode ser encontrado para iluminação geral e também em pendentes, plafons e lustres.

Além disso, ela também pode ser encontrada nas iluminações decorativas como em abajures, luminárias de pisos e arandelas.

Porque os tipos de lâmpadas incandescentes não devem ser usados

Esse tipo de lâmpada incandescente era o modelo mais usado nas residências.

Mas ela possui uma baixa eficiência porque apenas 5% da energia elétrica consumida por esse tipo de lâmpada incandescente era transformada em luz.

E sendo que todo o restante era transformado em calor.

Por isso, elas foram substituídas pelos tipos de lâmpadas fluorescentes.

Vamos conhecer agora os tipos de lâmpadas halógenas, confira abaixo.

Tipos de lâmpadas halógenas

Os tipos de lâmpadas halógenas são muito semelhantes aos tipos de lâmpadas incandescentes.

Mas ela possui algumas características que o modelo antigo incandescente não tinha.

Na imagem abaixo é possível visualizar os tipos de lâmpadas halógenas, confira.

Tipos de lâmpadas halógenas

Observe que este tipo de lâmpada halógena também possui algumas características da lâmpada incandescente como um tom de luz amarelada e também emite calor.

Mas elas são mais eficientes do que as lâmpadas incandescentes tradicionais.

E ainda podem ter uma duração média de até 5000 horas de funcionamento.

Na prática, ela pode ser considerada como uma intermediária que fica entre o tipo de lâmpada incandescente e o tipo de lâmpada fluorescente.

Como funciona os tipos de lâmpadas halógenas

Esse tipo de lâmpada acende com uso de um halogênio como bromo ou iodo, por isso recebe esse nome.

No funcionamento interno dos tipos de lâmpadas halógenas ela possui, em seu interior, o fio de tungstênio que aquece e resulta em seu acendimento.

Neste caso, uma corrente elétrica percorre um filamento liberando calor e luz.

Mas diferente das lâmpadas incandescentes, este tipo de lâmpada halógena acende com uso de um halogênio como bromo ou iodo em sua constituição.

Isso permite iluminação melhor do que a primeira lâmpada incandescente e tem uma vida útil mais longa.

Mas apesar de ser melhor do que o primeiro modelo de lâmpada incandescente, ela não é tão forte quanto a lâmpada fluorescente.

E principalmente na comparação em casos de eficiência energética.

Tipos de lâmpadas halógenas

Alguns exemplos de lampadas halógens podem ser citados como a lampada halógena Palito ou Lapiseira.

Outro exemplo é o tipo de lampada halógena haloPAR, a halógena Halopin.

E também os tipos de lâmpadas Bipino, Dicróica e Mini Dicróica, e até a lâmpada halógena AR .

Alguns tipos de lâmpadas halógenas podem ser ligadas diretamente na tensão de rede 110V ou 220V.

Mas estes modelos apresentam baixa eficiencia, e melhor do que os tipos de lâmpadas incandescentes.

E outros tipos de lâmpadas halógenas ligadas em baixa tensão podem ser encontrados, como por exemplo em 12V.

Neste caso, é necessário o uso de transformador, sendo este modelo considerado de alta eficiência.

Onde são usados os tipos de lâmpadas halógenas

Os tipos de lâmpadas halógenas ainda são usadas por arquitetos para criar ambientes decorativos.

Neste caso, ela é muito usada para decorar ambientes para um design mais industrial.

Ou também para criar ambientes que possuem um design mais rústico, e até decorações com foco em alguns objetos específicos como luminárias de teto e de chão.

Por ser mais barata, a halógena está entre os tipos de lâmpadas automotivas, sendo uma das mais usadas.

A lâmpada de halogênio é um tipo de lâmpada incandescente, mas que ainda pode ser vendido no Brasil porque está fora da faixa de potência entre 41 e 60W, e portanto, não oferece risco.

Depois de conhecer os tipos de lâmpadas halógenas, agora vamos conhecer os tipos de lâmpadas fluorescentes, confira abaixo.

Tipos de lâmpadas fluorescentes

Os tipos de lâmpadas fluorescentes são os tipos de lâmpadas mais usados atualmente tanto em residências ou locais públicos.

Isso acontece porque esse tipo de lâmpada consome apenas 80% da energia e é muito mais eficiente em comparação às antigas lâmpadas incandescentes.

Na imagem abaixo é possível visualizar os tipos de lâmpadas fluorescentes, confira.

Tipos de lâmpadas fluorescentes

Além disso, elas são mais econômicas, não geram calor e ainda possuem um tempo maior de duração que pode chegar até 24 mil horas.

Como funciona os tipos de lâmpadas fluorescentes

Esses tipos de lâmpadas fluorescentes foram criadas desde 1938 e para funcionar elas possuem um filamento para acenderem.

Mas neste caso, elas contêm gases que causam o seu acendimento junto à corrente elétrica.

No seu funcionamento interno, as lâmpadas fluorescentes funcionam ionizando átomos de argônio e vapor de mercúrio.

E após esse processo de ionização podemos perceber que os átomos são acelerados pela diferença de potencial estabelecida entre os terminais das lâmpadas.

E em seguida são emitidos ondas eletromagnéticas ao retornar ao seu estado natural.

Mas é importante destacar que a maior desvantagem desse tipo de lâmpada está relacionado ao seu descarte.

Isso acontece porque elas contêm gases que são extremamente tóxicos às pessoas e ao meio ambiente.

Por isso, é exigido uma conscientização das pessoas e empresas sobre um descarte mais apropriado em locais especializados.

Mas infelizmente nem sempre existe esse tipo de serviço em todas as cidades.

Tipos de lâmpadas fluorescentes

Existem vários tipos de lâmpadas fluorescentes como o modelo tubular que é o mais comum.

Neste caso, é necessário o uso de reatores eletrônicos externos.

Mas também tem os modelos compactos integrados onde o seu seu acendimento será automático devido ao reator que já faz parte da lâmpada.

E também tem os modelos de lâmpada fluorescente compacta não integrada que não tem o reator acoplado à própria lâmpada e são alimentadas pela tensão da rede elétrica.

Além disso, temos também os modelos circulares de lâmpadas fluorescentes que não são muito comuns.

Mas assim como as compactas não integradas elas também não precisam de reator ou starter.

Mas outra característica desse tipo de lâmpada fluorescente está na sua variedade de cores disponíveis pelos fabricantes.

Além da cor branca, azulada ou luz negra que é muito comum, também é possível encontrar outros modelos com centenas de cores e temperaturas de cor baixa.

E essa variedade de cores é muito usada para criar ambientes mais aconchegantes e relaxantes.

Onde são usados os tipos de lâmpadas fluorescentes

Esses tipos de lâmpadas fluorescentes são muito indicadas para a iluminação geral em residências e também em ambientes comerciais.

Mas também podem ser usadas em iluminações decorativas como em arandelas, abajures, arandelas e luminárias de piso, pendentes, plafons e lustres.

Isso acontece porque elas possuem um excelente eficiência de luminosidade, baixo consumo de energia, boa duração e o melhor custo benefício.

Vamos conhecer agora os tipos de lâmpadas de descarga, confira abaixo.

Tipos de lâmpadas de descarga

Esse tipo de lâmpada é muito conhecido como lâmpada xenon e lâmpada de descarga (HID).

Na imagem abaixo é possível visualizar alguns exemplos dos tipos de lâmpadas de descarga disponíveis no mercado, confira.

Tipos de lâmpadas de descarga

Ela possui um design compacto e recebe esse nome de lâmpada de descarga devido ao seu processo de funcionamento.

Ou seja, o acendimento desse tipo de lâmpada é realizado através de uma descarga elétrica que atinge os eletrodos e gases existentes dentro da lâmpada.

Como funciona os tipos de lâmpadas de descarga

As lâmpadas de descarga funcionam através de uma descarga elétrica entre os eletrodos como dissemos acima.

Mas neste caso, essa alta descarga elétrica entre os eletrodos leva o gás interno do bulbo a se ionizar.

E em seguida, através da passagem de corrente elétrica por esse gás ionizado acontece a emissão de luz.

Na prática, esse tipo de lâmpada de descarga pode demorar um tempo para ligar que pode variar entre dois até quinze minutos para acender por completo.

Além disso, também será necessário o uso de reatores eletrônicos para seu acionamento e também para manter a lâmpada ligada.

Tipos de lâmpadas de descarga

Existem vários tipos de lâmpadas de descargas e neste caso podemos citar os quatro tipos abaixo.

São os tipos de lâmpadas de descarga multivapores metálicos e o tipo de lámpara de descarga com vapor de sódio,

Além disso, tem as lâmpadas de descargas com vapor de mercúrio e as lâmpadas de descargas mistas.

Neste caso, é possível encontrar lâmpadas de descarga com diferentes qualidades de reprodução de cores e também com durabilidade variável.

E alguns modelos disponíveis podem emitir menos calor quando comparado com os tipos de lâmpadas halógenas que já citamos neste artigo.

Porque os tipos de lâmpadas de descarga são usados

Esse tipo de lâmpada de descarga é muito brilhante e se torna fundamental em ambientes que precisam de muita iluminação.

Mas outro detalhe importante é que esse tipo de lâmpada possui um baixo consumo de energia e também uma alta duração.

Na prática, ela possui uma boa eficiência e vida útil mais longa em relação aos modelos mais comuns.

Onde são usados os tipos de lâmpadas de descarga

Os tipos de lâmpadas de descarga são muito usadas em ambientes externos porque possuem uma alta capacidade de iluminação.

Um bom exemplo desse tipo de aplicação seria a iluminação das grandes lojas e até em fábricas.

Além disso, também podemos citar outros exemplos como o uso em galpões e até na iluminação de áreas externas como a dos postes de ruas.

Agora nós iremos explicar sobre os tipos de lâmpadas de LED, confira abaixo

Tipos de lâmpadas de LED

Os tipos de lâmpadas de LED são um dos tipos mais usados no mercado e estão substituindo as lâmpadas fluorescentes nas residências.

Isso acontece porque este tipo de lâmpada de LED possui alta eficiência, durabilidade e baixo consumo de energia.

Na imagem abaixo é possível visualizar os tipos de lâmpadas de LED, confira.

Tipos de lâmpadas de LED

Além disso, outro detalhe importante é que esse tipo de lâmpada não agride o meio ambiente.

Diferente dos outros modelos de lâmpadas, ela não contêm gases no seu interior para seu funcionamento.

E também possui um aproveitamento reciclável de até 98% de sua composição.

Como funciona os tipos de lâmpadas de LED

A lâmpada de LED converte energia elétrica diretamente em energia luminosa, através do uso de pequenos chips.

E em vez de utilizar a queima de um catodo para gerar luz, é usado diodos.

Ou seja, o seu acendimento é realizado por diodos, semicondutores, que são acionados pela passagem de corrente elétrica.

Na prática, esses diodos emissores de luzes são capazes acender milhares de vezes sem queimar.

No funcionamento interno, temos o que chamamos de filamentos de LED que são soldados,

E uma corrente de chips de LED que é derretida por um fio-guia.

E também na estrutura da lâmpada LED vem com um bulbo de vidro de alta transmissão.

Também tem o soquete de níquel e também toda a peça de plástico que deve ser resistente a altas temperaturas.

Além disso, a lâmpada de LED possui um isolamento perfeito no seu exterior.

Tipos de lâmpadas de LED

No geral, as lâmpadas de LED não emitem calor e podem ser encontradas também em diferentes modelos e tonalidades de cor.

Como por exemplo a lâmpada de LED bulbo que é parecida com as lâmpadas incandescentes mais antigas.

Temos também a lâmpada de LED tubular que possui a mesma forma das fluorescentes tubulares, cilíndricas e compridas.

Outro tipo de lâmpada de LED milho que parece com a lâmpada fluorescente usada em luminárias mais comuns.

Temos também a lâmpada de LED espiral que possui formato parecido com a lâmpada fluorescente espiral, mas com comprimento um pouco mais reduzido.

Além disso, é possível encontrar o tipo de lâmpada de LED vela, ou seja para luminárias de mesa com lâmpada exposta.

E também a lâmpada dicróica que é usada como por exemplo na versão incandescente com uma luz mais focada.

Geralmente é usada em luminárias do modelo spot e podem ser encontradas embutidas no forro da residência.

Mas no caso da lâmpada de LED dicroica segue com as mesmas características, mas com baixo consumo de energia e sem emitir calor.

E por último, as lâmpadas de LED com filamentos para criar um ambiente com iluminação mais suave e amarelada e com pequenos filamentos de carbono na parte interna.

Porque as lâmpadas de LED devem ser usadas

As lâmpadas de LED possuem vários benefícios que citamos acima.

Mas no geral, elas possuem um excelente custo benefício em relação aos outros tipos de lâmpadas.

E a redução do consumo de energia com lâmpadas de LED pode chegar a 80% em relação às lâmpadas fluorescentes.

Além disso, elas possuem uma vida útil longa e com alta performance de luminosidade.

Onde é usado os tipos de lâmpadas de LED

As lâmpadas de LED podem ser usadas tanto em residências, comércios ou na indústria.

E neste caso, a escolha estará relacionada ao valor de investimento e principalmente a preocupação com eficiência, economia de energia e desempenho.

Na prática, essas lâmpadas de LED são muito utilizadas como iluminação geral tanto em residências como em ambientes comerciais.

Mas elas também podem ser usadas, por exemplo, em spots que ficam sobre as bancadas ou objetos decorativos.

Além disso, você também pode usar lâmpadas de LED como arandelas e criar ambientes mais aconchegantes com efeitos de luz nas paredes.

Outras opções também são os balizadores ou iluminação de escadas e dos corredores, além de iluminação da fachada da residência.

Agora nós vamos explicar sobre os tipos de lâmpadas de fibra óptica, confira abaixo.

Tipos de lâmpadas de fibra ótica

Os tipos de lâmpadas com tecnologia de fibra ótica são muito usados para criar efeitos e ambientes decorativos.

Na prática, esse tipo de iluminação é considerada muito econômica, segura e também com baixo custo de manutenção.

Na imagem abaixo é possível visualizar os tipos de lâmpadas com tecnologia de fibra ótica, confira.

Tipos de lâmpadas de fibra ótica

Uma das características desse tipo de iluminação é que ela também não transmite calor e não emite ruídos, e pode substituir facilmente o tipo de iluminação de neon.

Outro detalhe importante é que esse tipo de iluminação pode ser utilizado em varios locais, mesmo em ambientes com espaços pequenos.

Isso acontece porque a fibra ótica possui cabos que são muito finos, o que facilita a instalação em espaços bem pequenos.

Como funciona os tipos de lâmpadas com tecnologia de fibra ótica

A fibra ótica é um filamento de vidro ou de elementos poliméricos que são usados para transmitir a luz e não a energia elétrica.

Observe que quando é lançado um feixe de luz em uma das extremidades desse filamento de fibra ótica.

Então essa luz irá percorrer a fibra ótica através de reflexões dentro do filamento de vidro.

E será refletida na outra extremidade desse filamento, e tudo isso ocorre em uma velocidade altíssima.

Neste caso, será necessário apenas uma fonte geradora de luz para que esta luz consiga percorrer a outra ponta do cabo da fibra ótica e iluminar.

Por isso, a fibra otica possui uma espessura muito fina e pode ser encontrada com filamentos que variam de 0,5 milímetros a 1,5 milímetros.

E os cabos podem ser encontrados com dimensões que variam de oito milímetros a cerca de dezessete milímetros com luz pontual e lateral.

Onde é usado os tipos de lâmpadas com tecnologia de fibra ótica

Esses tipos de lâmpadas com tecnologia de fibra óptica são muito utilizados para criar iluminação de efeito ou efeitos decorativos.

Neste caso, estamos falando principalmente de iluminação de efeito em detalhes arquitetônicos.

Mas também podem ser criados efeitos de iluminação em forros de gesso, cortina de luz ou ao redor dos painéis dos móveis e nichos.

Além disso, também são muito utilizadas para criar efeitos muito bonitos em jardins e principalmente em piscinas.

Em ambientes comerciais, esses tipos de lâmpadas podem ser usadas principalmente para chamar a atenção de clientes nas vitrines das lojas.

E dependendo da criatividade do arquiteto, e da empolgação do cliente, é possível explorar ainda mais os efeitos luminotécnicos.

Como por exemplo a criação de ambientes maravilhosos como um céu estrelado ou um chão de estrelas como usado em alguns projetos específicos.

E por último, nós vamos explicar sobre os tipos de lâmpadas de Neon, confira abaixo.

Esses tipos de lâmpadas de Neon são muito utilizadas no comércio para diversas finalidades.

Tipos de lâmpadas de Neon

Na prática, ela possui um baixo consumo de energia e longa vida útil, mesmo em uso intermitente e intensivo.

Na imagem abaixo é possível visualizar os tipos de lâmpadas de Neon, confira.

Tipos de lâmpadas de Neon

Essa também é um tipo de lâmpada de descarga de gás que usa o gás néon a baixa pressão.

Mas hoje estas lâmpadas podem conter outros gases nobres, principalmente para produzir luzes de diferentes cores.

Mas um detalhe a destacar é um possível inconveniente que poderá ser notado como um ruído que é emitido pelo reator da lâmpada.

Como funciona os tipos de lâmpadas com Néon

Os tipos de lâmpadas de Néon são compostas por um tubo com gás neón em seu interior.

E quando essa lâmpada é submetida à eletricidade, isso faz com que os eletrodos (não utilizam filamento) em seu interior brilhem, e então a lâmpada de neón emite uma luz vermelha.

Neste caso, é importante lembrar que diferentes gases produzem diferentes cores e o tubo da lâmpada também pode ter diferentes formatos.

Além disso, também é importante destacar que a tensão necessária para o funcionamento do tubo dependerá das dimensões deste e do gás utilizado.

Neste caso, os tipos de lâmpadas de Neon podem ser ligadas direto na rede ou através de um transformador.

Geralmente, o potencial de ionização do neon é atingido a cerca de 70 Volts e para manter a lâmpada acesa é necessário aproximadamente 50 Volts.

Mas estas tensões acima podem variar conforme o fabricante da lâmpada.

Na prática, esta característica elétrica da lâmpada de Neon é conhecida como resistência negativa

Onde é usado os tipos de lâmpadas com Neon

Esse tipo de lâmpada com Neon também é muito utilizado para criar uma iluminação decorativa.

Na prática, podemos perceber que esse tipo de iluminação decorativa é muito usada em várias lojas e pontos comerciais para atrair clientes.

Isso acontece porque elas geram o que chamamos de efeito cintilante, ou seja um brilho intenso que chama a atenção dos clientes.

Mas esse tipo de lâmpada de Neon também pode ser encontrada na iluminação de placas, letreiros e sinais.