x

Clique aqui para entrar no grupo de elétrica no WhatsApp.

Entrar no grupo.

[Ebook] Como Dimensionar o Disjuntor Geral na Instalação Elétrica.

Projetos Elétricos

[Ebook] Como Dimensionar o Disjuntor Geral na Instalação Elétrica.

Mardey Costa
Escrito por Mardey Costa em 20 de maio de 2019
Junte-se a mais de 5.000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você sabe o que é um disjuntor geral e como fazer para dimensionar em uma instalação elétrica?

Quando falamos em disjuntor geral, estamos falando do disjuntor principal que protege os outros disjuntores parciais dos circuitos da instalação elétrica.

Sabemos que na hora de realizar o dimensionamento, é muito comum que algumas dúvidas apareçam.

Baixe agora esse eBook e aprenda como dimensionar passo a passo o disjuntor geral da instalação elétrica.

Capa da captura do Ebook como dimensionar disjuntor geral

E-BOOK

Como dimensionar o disjuntor geral

Gostou do que vem por ai? Então não deixe de compartilhar este ebook com seus amigos nas redes sociais, para que eles possam aprender mais sobre como dimensionar o disjuntor geral.

Veja um pouco mais do passo a passo que você vai encontrar neste eBook, que ensina como dimensionar disjuntor geral.

Como dimensionar o disjuntor geral na instalação elétrica.Baixe o eBook que ensina como dimensionar o disjuntor geral na instalação elétrica.

Para fazer o dimensionamento do disjuntor geral, é preciso que a instalação já tenha sido devidamente dividida em circuitos de utilização.

Nossa residência terá as seguintes dimensões e os componentes citados na tabela abaixo, com tensão 127 e 220 V.

Caso você tenha dúvidas nesta tabela, acesse nosso blog e consulte o artigo completo sobre divisão de circuitos elétricos.

Com os dados em mãos, nós criamos um passo a passo para  dimensionar o disjuntor geral, vamos lá!

Como calcular a potencia total de iluminação, tomadas e tomadas de uso específico.Tabela retirada do eBook que ensina como dimensionar o disjuntor geral na instalação elétrica.

Neste primeiro passo vamos calcular a potencia total da iluminação, das tomadas de uso geral e tomadas de uso específico.

Para calcular a potência total da iluminação,  fizemos a soma de todas as potência de iluminação,  e encontramos a potência aparente total de iluminação de 1080 VA.

Seguindo o mesmo passo, fizemos o somatório com todas as tomadas de uso geral, e encontramos a potência aparente total das tomadas no valor de 6900 VA.

Para as tomadas de uso específico, a potência ativa total encontrada foi de 12100 W, contabilizando o valor da potência da geladeira (não esqueça).

Baixe agora o Book completo e aprenda como dimensionar passo a passo o disjuntor geral da instalação elétrica.

Capa da captura do Ebook como dimensionar disjuntor geral

E-BOOK

Como dimensionar o disjuntor geral

Como calcular a potência ativa total da instalação elétrica para dimensionar o disjuntor geral.Como calcular a potencia ativa para dimensionar o disjuntor geral na instalação elétrica.

No próximo passo é calcular a potência ativa da iluminação e das tomadas de uso geral.

Observe na tabela que temos a potencia aparente da iluminação que é 1080 VA e a potência aparente das tomadas que é 6900 VA.

Para calcular a potencia ativa da iluminação e das tomadas, basta multiplicar pelo fator de potência.

O fator de potencia usado em projetos elétricos para iluminação é o valor 1, e o fator de potencia para tomadas de uso geral é 0,8.

Pronto! Agora bastar somar todas as potências ativas encontradas, assim temos que a potência ativa total da instalação, será 18700 W.

Como calcular o fator de demanda para iluminação e tomadas de uso geral.Como calcular o fator de demanda para dimensionar o disjuntor geral

Em uma instalação industrial, comercial ou residencial os equipamentos raramente irão operar todos ao mesmo tempo.

Por isso, usamos o fator de demanda para não superdimensionar os componentes dos circuitos de distribuição.

Os fatores de demanda são encontrados nas normas de distribuição da concessionária de energia, disponíveis no site da empresa.

Neste exemplo, usamos a tabela de fatores de demanda para iluminação e pontos de tomadas de uso geral, da concessionária ELEKTRO.

Sabemos que a potência ativa da iluminação é 1080 W, e somando com a potência ativa das tomadas de uso geral que é 5520 W, teremos um total de 6600 W.

Observando a tabela, vimos que a potência encontrada de 6600 W está compreendida entre 6001 a 7000, logo o fator de demanda deverá ser 0,40.

Isso significa que a potência ativa total da iluminação e tomadas de uso geral corrigidas será de 2640 W.

Como calcular o fator de demanda para tomadas de uso específico.Como calcular o fator de demanda das tomadas de uso específico para dimensionar o disjuntor geral

Neste exemplo, usaremos a tabela de fatores de demanda para tomadas de uso específico, também disponível neste mesma norma da concessionária ELEKTRO.

Neste caso, o fator de demanda é calculado com base na quantidade de circuitos específicos da instalação elétrica.

Nossa instalação possui quatro circuitos de tomadas específicas, sendo o chuveiro, torneira elétrica, geladeira e máquina de lavar.

Analisando a tabela abaixo, vimos que uma instalação de tomadas de uso específico com quatro circuitos, deve ter um fator de demanda de 0,76.

Isso significa que a potência ativa total das tomadas de uso específico corrigidas será de 9196 W.

Você esta curtindo esse eBook? Então baixe agora o eBook completo.

Capa da captura do Ebook como dimensionar disjuntor geral

E-BOOK

Como dimensionar o disjuntor geral

Eu adoraria saber a sua opinião sobre o eBook através de um comentário logo aqui abaixo.

E caso ele tenha sido útil para você, aproveite para compartilhá-lo com um amigo que precise aprender mais sobre como dimensionar o disjuntor geral.

Forte Abraço!

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Junte-se a mais de 5.000 pessoas